As MELHORES formas de revisar (e dicas para utilizá-las) | Fernando Mesquita

As MELHORES formas de revisar (e dicas para utilizá-las) | Fernando Mesquita

abril 11, 2019 Off Por Redator

Fala, pessoal! Tudo bem? Aqui é Fernando Mesquita E eu te recebo, com muito prazer, a este que é o maior sobre técnicas de estudos e preparação para provas e concursos deste país

É uma enorme satisfação poder contar com você Hoje a gente vai falar sobre um assunto que foi muito pedido ao longo do tempo, que foi muito solicitado que são Revisões As revisões, como você sabe, elas são fundamentais para a gente sair bem nos nossos estudos, na nossa preparação, e hoje a gente vai conversar um pouquinho sobre isso, sobre formas, sobre como que a gente pode trabalhar com esse ponto que é tão importante Antes de a gente começar, principalmente se você já me conhece, já deixa o seu like aqui no vídeo, se você não me conhece, inscreva-se no canal para você não poder nada do que vou trazer aqui para você, que eu tenho certeza que você vai poder aproveitar, muita coisa que a gente vai conversar aqui Então, hoje, como dito, a gente vai falar sobre revisões

Primeira coisa, a gente precisa entender o que é revisão Eu desenvolvi uma metodologia de estudos que se chama Ciclo EARA, que tem 4 etapas: estudos, aplicação, revisão e adaptação Essas 4 etapas são as etapas fundamentais para você ter a certeza de que você vai absorver, que você vai entender, que você vai poder praticar qualquer conteúdo que você for aprender na sua vida Isso vale para concursos públicos, vale para provas, vale para vestibulares, vale para o que quer que você queira fazer Estudos, aplicação, revisão e adaptação

A revisão é um dos pilares da nossa aprendizagem Por que algumas pessoas têm tantas dificuldades quando elas estão estudando para provas e concursos? Porque elas não revisam A pessoa simplesmente lê, e a gente já conversou que ler não é estudar Inclusive, um dos meus vídeos mais famosos que eu tenho aqui no canal é exatamente sobre isso, ele tem esse título E as pessoas acham que simplesmente, se elas lerem, elas vão aprender, mas não é assim que o nosso cérebro funciona

Quando você vai aprender, efetivamente, alguma coisa, quando você se depara com um conteúdo importante, você precisa revisar esse conteúdo, por quê? Porque, por meio da revisão, você mostra para o seu cérebro por que ele é importante Se você ver aquilo várias vezes, se você entra em contato com aquele conteúdo de formas diferentes ao longo do tempo, você vai mostrando para o seu cérebro, para a sua memória, para a sua mente, que aquilo é importante, que aquilo precisa ser gravado Além disso, a gente não aprende de primeira Normalmente, quando se está estudando para uma prova, você tem uma quantidade muito grande de conteúdos O nosso cérebro não é capaz processar conscientemente essa quantidade de informações que você precisa para ir bem nessa prova

Eu vou falar, brevemente, sobre as formas que a gente tem de revisão Eu espero que você possa aproveitá-las Eu vou começar pela forma mais comum que é o resumo O resumo, o que que é? É você pegar aquele seu conteúdo e você reduzir aquela quantidade de texto, para uma quantidade de texto administrável Qual é o erro que as pessoas, normalmente, cometem? Elas copiam o texto original

Tem gente que, inclusive, consegue fazer resumo maior do que o texto original Só que, se você está resumindo, seu resumo fica maior que o texto original, será que você pode chamar isso de um resumo? Acho que, no máximo, uma obra ampliada e revisada Mas a gente precisa ter muito cuidado com esse tipo de coisa Muitas pessoas fazem resumos maiores do que os textos originais, copiam muito texto e pegam esse resumo engavetam, nunca mais olham Material de revisão bom é aquele material que você vê com frequência

A frequência mínima que você precisa ver a gente vai falar nos próximos vídeos, a gente vai conversar sobre isso ainda, mas, para você entender, você precisa entrar em contato periodicamente com esse material De nada adianta você produzir um material e nunca mais vê-lo É claro que existe um benefício de você produzir isso, é o que a gente chama de estudo ativo Aqui no canal também tenho vídeo sobre isso Mas não adianta você simplesmente produzir um material e não ver aquele material nunca mais, porque a maior parte do benefício da revisão está quando você entra em contato com aquele conteúdo novamente para você analisar, para você ver à fundo aquilo que você viu e você ir refrescando, você relembrando, reativando aquele conhecimento que você adquiriu

O resumo, então, é simplesmente um em texto, que pega um texto grande e resume isso, reduz isso para um texto menor O que eu posso te dar como sugestão se você for fazer um resumo? Em vez de você simplesmente copiar enquanto você está vendo, procure ler um tanto do seu material, fechar o seu material original, ou seja vídeo-aula, seja aula que você está ouvindo, não dá pra fechar o professor, mas você entendeu mais ou menos, seja o livro que você está lendo, você deixa ele de lado e resume com suas próprias palavras Você fala o que você entendeu, você pega as ideias principais Na maioria dos materiais, nem sempre 100% do conteúdo é importante, na verdade, 100% do conteúdo nunca vai ser importante Então, você precisa pegar só a essência daquilo, aquilo que você entendeu, aquilo que fez sentido para você, aquilo que você capitou como sendo o mais importante de acordo com a ideia com aquele autor quis te passar e você passa para o seu material

Beleza? É muito simples, muito tranquilo, mas exige prática Você sempre vai ter muita dificuldade para fazer seu material de revisão no início como qualquer coisa que você começa fazer no início O segundo tipo de revisão que eu recomendo para você que, na minha opinião, é a melhor revisão que tem é a revisão feita por mapas mentais Os mapas mentais são esquemas gráficos que começam a partir do centro e você puxa ramos com ideias e esses ramos puxam sub ramos, ele é muito colorido, ele tem desenhos e ele é muito fácil e prático de fazer Por que ele é a melhor ferramenta que existe nos estudos? Porque ele se organiza da forma como o cérebro se organiza

O cérebro funciona mais ou menos assim: a partir do momento que você pensa numa ideia, essa ideia automaticamente puxa aquelas ramificações Então, eu posso pensar em concurso, posso pensar em prova Se eu penso em concurso, eu posso pensar em disciplinas, eu posso pensar em provas, eu posso pensar em concorrência, eu posso pensar em uma série de assuntos que estão relacionados a concursos E, a partir daí, você vai expandido essa ideia Pelas cores, pelos desenhos, pela reduzida quantidade de palavras é muito mais fácil a fixação, todos esses são elementos que ajudam a fixação

Tony Buzan, que foi o criador dessa técnica, explica com muita propriedade por que esses mapas funcionam, como que a gente pode trazê-los melhor para a nossa vida Eu tenho um curso de mapas mentais Se você quiser conhecer, eu vou deixar o link aqui para que você possa vê-lo E mapas mentais, na minha opinião, são a melhor técnica de revisão que existe Há outras técnicas de revisão que, às vezes, vale até vídeos próprios

As pessoas usam muito flash cards Flash cards são cartõezinhos que, na frente, você põe o conceito e, atrás, você põe o que é a definição daquele conceito Você olha aquele conceito, você tenta lembrar e atrás você tem a resposta, que você vai ver ali efetivamente na hora que você estiver tentado fazer aquilo de fato, tentado lembrar daquele conteúdo São interessantes, principalmente, para conceitos pontuais Pessoal usa muito para o aprendizado de idiomas

Então, se você está estudando uma nova língua, de repente é uma ferramenta que você pode usar bastante Há outras técnicas que eu pessoalmente uso, que eu chamo de resumos rupestres, que são o meio do caminho entre os resumos e os mapas mentais Mas, se você for pensar essencialmente em técnicas principais, resumos e mapas mentais vão ser o que as pessoas mais usam A maioria das pessoas usa resumo Eu recomendo mapas mentais, porque mapas mentais, como eu disse, eles são uma ferramenta excepcional para você poder trabalhar e para você poder gravar

Você faz revisões para você ter certeza de que você vai lembrar daquilo que você está estudando Eu digo que nem todo mundo precisa fazer revisão, só aquelas pessoas que querem passar na prova que elas forem fazer Então, se esse for o seu caso, se você quiser passar na prova que você vai fazer, eu recomendo que você faça revisões Eu vou deixar todos os links aqui dos vídeos que eu comentei, de curso, de livro, de tudo mais, de todos os recursos que você pode usar nessa sua jornada Eu recomendo que você pesquise, que você tente, que você treine, porque isso vai ser fundamental na sua vida e para você conseguir resultados cada vez mais melhores

Combinado? Eu sou Fernando Mesquita Se você gostou, deixe seu like aqui, inscreva-se no canal e a gente se vê na nossa próxima oportunidade Até lá!